ORAÇÃO PELO BRASIL Print

Pela segunda vez na nossa história, a presidente da república foi impedida pelo poder legislativo do país. Sabemos que Deus está no controle de todas as situações, portanto devemos agradecer pela conclusão de um processo que se arrastou por quase dois anos, levando o país a uma crise política e econômica sem precedentes. Se foi bom ou ruim, certo ou errado, as opiniões diferem e só o tempo dirá. Mas duas verdades permanecem: em primeiro lugar, a de que isso não é o fim das mazelas do nosso país. O novo presidente está longe de ser uma unanimidade e a economia continua sofrendo. O processo que vivenciamos é sintoma de uma doença muito mais profunda, que assola a alma do nosso povo. A corrupção continua a ocorrer e há muito ainda a vir à tona. Em segundo lugar, a verdade de que, independente do que possa acontecer, nossos joelhos devem continuar dobrados e nossos corações prostrados na presença do nosso Deus, rogando a Ele por misericórdia pelo nosso povo e clamando por justiça e equidade na nossa nação.

Deixamos aqui o texto de I Timóteo 2:1-4, que cremos ser a mais clara e certa orientação para esse momento:

"Antes de tudo, recomendo que se façam súplicas, orações, intercessões e ação de graças por todos os homens;

pelos reis e por todos os que exercem autoridade, para que tenhamos uma vida tranquila e pacífica, com toda a piedade e dignidade.

Isso é bom e agradável perante Deus, nosso Salvador,

que deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao conhecimento da verdade."